Digite sua palavra-chave

post

SBOC-RJ quer unir oncologistas para superar desafios

SBOC-RJ quer unir oncologistas para superar desafios

A crise econômica e política tem afetado gravemente os serviços públicos de saúde no Rio de Janeiro. As deficiências no atendimento oncológico são alarmantes. Além disso, há uma verticalização nos serviços privados, tornando cada vez menos numerosas as pequenas clínicas e os consultórios particulares. A nova diretoria da Regional da Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica (SBOC-RJ) assumiu a responsabilidade de se posicionar frente a essas situações desafiadoras, representando os oncologistas do Estado. A cerimônia de posse ocorreu no sábado (27). Veja a galeria de fotos.

“O Rio de Janeiro tem uma tradição na formação de oncologistas e em pesquisa clínica, a partir do todo o trabalho realizado no Inca [Instituto Nacional de Câncer]. O Estado também concentra o maior número de especialistas, ao lado de São Paulo”, lembra o Dr. Luiz Henrique de Lima Araújo, novo presidente da SBOC-RJ. “Este é um momento de engajamento; temos aqui muitos serviços funcionando com graves deficiências, inclusive na alocação adequada dos residentes”, afirma. “Queremos que os oncologistas sejam bem formados, saiam da residência empregados e que os pacientes tenham acesso ao tratamento de qualidade no tempo necessário.”

De acordo com o presidente, o novo modelo de trabalho gerado pela verticalização da oncologia privada também merece atenção da SBOC-RJ. “Precisamos ter certeza de que os profissionais estão sendo valorizados e de que os pacientes recebem o tratamento apropriado”, enfatiza. “Nossa Regional já teve momentos áureos e outros de menos aderência; a ideia é aproximar novamente os oncologistas da SBOC-RJ e trabalhar para que se sintam representados.”

Parcerias

O Dr. Luiz Henrique conta que uma das prioridades da SBOC-RJ é atuar nas câmaras técnicas do Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio de Janeiro (Cremerj). O Conselho tem denunciado sistematicamente as falhas nos atendimentos aos pacientes com câncer em 19 hospitais do Estado. Confira aqui o levantamento. O presidente, Dr. Nelson Nahon, esteve inclusive na solenidade de posse. “Estaremos unidos à SBOC nessa luta incessante pela medicina ética e pelas boas condições de trabalho e de atendimento para nossos pacientes”, disse.

A SBOC-RJ também organizará eventos científicos para residentes e especialistas formados há mais tempo e trabalhará em consonância com a diretoria nacional da SBOC na construção de posicionamentos, diretrizes e outras ações capazes de fortalecer a especialidade. A diretora executiva da SBOC, Dra. Cinthya Sternberg, participou da cerimônia, assim como o Dr. Roberto Gil, vice-presidente de Assistência Médica e de Defesa Profissional, e a Dra. Andréia Melo, do Conselho Fiscal. Compareceram, ainda, representantes das sociedades regionais de Urologia, Pneumologia e Cabeça e Pescoço.

Diretoria SBOC-RJ 2017/2019

Presidente: Dr. Luiz Henrique de Lima Araújo
Vice-presidente: Dra. Mariana Siqueira
Secretária geral: Dra. Maria de Lourdes de Oliveira
Secretária de Comunicação Social: Dra. Maria de Fátima Gaui
Tesoureiro: Dr. Eduardo Paulino

Comissão de Ética:

Dr. Bruno França
Dr. Fernando César Almeida
Dr. Vitor Marcondes

Conselho Fiscal:

Dra. Andréia Cristina de Melo
Dr. Fernando Meton
Dr. Roberto Gil



Conteúdo Relacionado

Sem comentários

Adicione seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.